KIMELEKA DINOSSAUROS

​Vem do latim “cabeça com três chifres” foi um tipo de dinossauro herbívoro e quadrúpede. T​inha um grande folho ósseo e três chifres em seu grande corpo de quatro patas, com distantes semelhanças com os atuais rinocerontes. Tinha 9 metros de comprimento, 3 metros de altura, 6 toneladas e um crânio com mais de 2 metros de comprimento. Com seu bico córneo, rasgava as plantas duras que comia.​ ​Viviam em enormes bandos e, quando ameaçados, os machos protegiam as fêmeas, os filhotes e os doentes do grupo.

É um dinossauro voador, que viveu entre 88 e 75 milhões de anos atrás. Foi um dos maiores dinossauros voadores que existiram, com cerca de 7,5 m de envergadura. ​Pesava 30 kg, media 2 metros de altura e alimentava-se de peixes e invertebrados.​ ​​Uma das características mais marcantes dos pteranodontes é a crista que tinham na cabeça. As funções desta estrutura são desconhecidas, mas foram sugeridas duas hipóteses: para uso tipo lastro ou em rituais de acasalamento.​ ​​O pteranodonte mergulhava ao mar para apanhar peixes, como algumas aves marinhas fazem.

Braquiossauro também conhecido como Dinossauro-Girafa. Tinham uma característica marcante eram seus membros dianteiros bem maiores do que seus membros traseiros. Ele viveu durante o fim do período Jurássico e tinha entre 18 e 20 metros de altura e cerca de 25 metros de comprimento, seu peso era estimado em torno de 50 toneladas. E​ra muito alto e sem esforço​​ conseguia ​comer as copas das árvores​. O​ braquiossauro passava a maior parte do dia comendo folhas de suas árvores prediletas, como as coníferas (um tipo de pinheiro), cicadáceas e ginkgo​ e para abastecer seu corpo, comia mais ou menos 2 toneladas de plantas por dia. Apesar do grande peso, podia correr a uma velocidade de aproximadamente 20 km/h.

O parassaurolofo era um dinossauro de grande porte que viveu cerca de 65 a 98 milhões de anos atrás. Além de seu bico, que era pequeno, a característica mais marcante era a crista como chifre, que media até 1,8 metro de comprimento e era curvada para trás da cabeça, segundo alguns cientistas essa crista era usada para emitir sons, provavelmente quando era necessário alertar o bando de que havia predadores por perto e enquanto o parassaurolofo andava pelos arbustos, essa crista poderia ter se dobrado em forma de V. Nesta posição, ele usava a crista para abrir um caminho, barrendo e afastando as plantas longe de seu corpo. O parassaurolofo adulto podia medir até 10 metros de comprimento, ter uma altura de até 4,6 metros e pesar entre 3 a 4 toneladas. ​Embora o dinossauro andasse de quatro para procurar alimento, provavelmente fugia de predadores usando apenas suas patas traseiras. Este gigante simpático alimentava-se das folhas, ramos e pinhas.

Ele foi um dos maiores e mais ferozes predadores que já viveram na Terra. O nome “Tyrannosaurus Rex” significa “rei dos lagartos tiranos”. Os tiranossauros eram carnívoros, que andavam sobre duas pernas.​ V​iveu há 66 milhões de anos​ atrás.​ Pesava 8 toneladas e media 14 metros de comprimento e 5 metros de altura.
Apesar de conhecido como feroz predador, acredita-se que era necrófago (que se alimenta da carcaça de animais já mortos), por causa de seus braços minúsculos e fracos, inúteis para caçar. Entretanto, o tiranossauro possuía cérebro desenvolvido, ótima visão e pernas fortes, possibilitando correr a 40 km/h.​ ​O tiranossauro não vivia em grupo, mas provavelmente o macho e a fêmea andavam juntos, cuidando muito bem dos filhotes.

Estegossauro significa “lagarto coberto” ou “lagarto telhado”. O estegossauro recebeu este nome porque tinha duas fileiras de enormes placas ósseas ao longo das costas. Ele é o mais conhecido e o maior dos dinossauros encouraçados. Viveu entre 159 milhões e 144 milhões de anos atrás e viveu em áreas arborizadas com plantas baixas. Atingia o comprimento de 6,5 metros. Tinha cerca de 3 metros de altura nos quadris e pesava perto de 2 toneladas. As imensas placas que percorriam seu corpo desde o pescoço até a cauda estavam dispostas em duas fileiras, uma de cada lado da espinha dorsal. Algumas dessas placas tinham mais de 60 centímetros de altura. O estegossauro também tinha de dois a quatro pares de pontas na cauda. Era um dinossauro herbívoro. Usava a cauda pontuda e as largas placas para se defender.

× Como podemos te ajudar?